2

Você gosta de tecnologia, inovação e de projetos eletrônicos? Ou então, adoraria conhecer os melhores projetos com Arduino e os mais inspiradores para se fazer?  

Se sim, então eu separei uma lista completa e definitiva com os melhores projetos para construir com Arduino em 2020!  

E o melhor de tudo, vou te dar 10 dicas de eletrônica no final desta lista que são essenciais para você fazer suas próprias invenções. 

Esses projetos alinhados com as dicas que vou te passar hoje podem ser fundamentais para você ter excelência em seus futuros projetos com a plataforma se você ainda é um (a) iniciante. 

Sabe por quê? 

Porque são dicas baseadas em minha experiência de mais de 5 anos fazendo projetos com Arduino e eletrônica embarcada e mais de 3 anos cursando Engenharia Mecatrônica. 

Além disso, os projetos foram retirados de fontes como Arduino, Hackster IO, Instructables e How to Mechatronics e todos eles possuem tutoriais de montagem com os respectivos códigos para você implementar nas suas criações…  

Preparado (a)? 

Então, os projetos que você vai descobrir hoje e as principais dicas de eletrônica são: 

Projeto 1: Lança chamas com soco

Sem dúvidas esse é um dos projetos que utiliza a plataforma Arduino mais perigosos e robustos que já vi. É um projeto espetacular de ser visto em ação:

Soco Flamejante com Arduino
Soco flamejante com Arduino

O lança chamas é composto por uma câmara para armazenar o combustível de butano que posteriormente é liberado em forma de bolas de fogo ao dar os socos.  

Além disso, ele possui um passo a passo de montagem no qual são requeridos poucos componentes para dar seus primeiros socos flamejantes.  

Para construir esse invento, você precisará de: um Arduino pro mini, um acelerômetro de eixo triplo, alguns canos, um reservatório de butano, bateria, um isqueiro e para ter acesso a tudo isso e ver como ele é montado basta acessar este link do projeto.

Bons socos! 

Projeto 2: Cultivador de plantas

Se você ama jardinagem ou plantas no geral, esse projeto foi feito para você! 

Ele é sobre um sistema de jardinagem fora do ar livre que cuida das suas plantas enquanto você não está presente.  

O sistema monitora a temperatura e a umidade do solo e toma providências para que o ambiente seja o ideal para a sua planta crescer de forma eficaz.

Se algo estiver incongruente, como um PH acima do ideal ou se a terra das plantas está seca, o sistema automaticamente configura a luz, a água e até proporciona mais ar fresco para as plantas.

Veja o vídeo abaixo:

É simplesmente incrível o que esse projeto pode ser capaz de fazer para gerenciar o crescimento das suas plantas de dentro da sua casa, não é? 

Alguns sensores que são usados no projeto são: sensor de luz BH1750, sensor de umidade e sensor de temperatura DHT11.

E alguns atuadores, como: LED’s brancos; bomba de água de 12V e ventoinha de 12V.

Clique aqui e veja como montar esse projeto!

Projeto 3: Luminária de mesa reativa para música

Uma combinação de cores/luzes e música é sempre muito bem-vinda e com essa luminária isso se torna possível e acessível a praticamente qualquer um que queira montar algo reativo à música. 

Com o passo a passo do link do projeto você consegue criar a sua luminária com poucos componentes eletrônicos e em poucos minutos.  

Inclusive, pretendo construir a minha em breve com um Arduino Nano para colocar na mesa do meu quarto e curtir uma boa música.

Projeto 4: Máquina de beer pong que não erra

Você é horrível em beer pong? Sempre está em um time perdedor? Então você encontrou a solução para seus problemas… Seu novo companheiro de pong nunca perde um jogo de beer pong.

Esse brinquedo consiste em um mecanismo de carregamento e arremesso que foi feito por engenheiros alemães e americanos que dizem garantir eficiência máxima na mesa. 

Insira a bola, mire no alvo (copo) e pressione o botão para o servo motor atirar e garantir um tiro perfeito.

O projeto possui 6 baterias AA recarregáveis que totalizam em 9V de tensão e 606 miliamperes de corrente que alimenta todo o circuito. 

Esse é seu companheiro que nunca erra! Acesse o link e aprenda a fazer o seu! 

Projeto 5: Máquina de vendas DIY

Neste projeto, o Dejan do How to Mechatronics ensina como construir uma máquina de 4 compartimentos para colocar os produtos para venda.

Ele disponibiliza em seu site o material em 3D com todas as dimensões do MDF utilizado e no vídeo abaixo ele mostra como montar toda a parte estrutural:  

Além disso, ele fornece o código usado e disponibiliza a montagem dos componentes do projeto e os esquemas de conexão.  

Admito que a parte mais interessante deste projeto é ver como essa máquina é construída através dos cortes do MDF e ver o maker montando toda a estrutura, não concorda? 

Este é o link para a montagem e para o código utilizado!

Projeto 6: Máscara Facial Neopixel LED

Esse projeto em particular me chamou muito a atenção devido a sua combinação criativa de cores e formas e por surgir durante a pandemia, onde diversos projetos DIY com Arduino nascem com a temática de máscaras com luzes. 

Assista o vídeo abaixo e veja do que estou falando: 

De acordo com o maker, essa máscara usa 104 LED’s WS2812b do modelo Aka Neopixel. Além disso, o item, de acordo com ele, cobre totalmente a boca e o nariz sem dificultar a respiração.  

Todas as variedades vistas na máscara foi possível graças ao Wemos D1 Mini, ao Arduino e ao ESP8266 utilizado aqui como processador. Isso possibilita uma grande capacidade de memória e de poder para implementar os efeitos que desejar. 

Você consegue acessar o código utilizado no projeto e a montagem da máscara através deste link.

Projeto 7: Arduino Barrel Piano

Você já tocou (ou tentou tocar) piano alguma vez na vida?

Se sim, sabe que esse instrumento não é fácil de aprender. Falo de experiência própria e quando achei esse dispositivo tocando The Black Pearl do Piratas do Caribe de forma automatizada e com o Arduino eu não pude acreditar.

Veja se não tenho razão:

Muito bacana, não concorda?

As músicas que você vê no vídeo são reproduzidas atrravés da leitura dos acopladores ópticos que leem as linhas pertas no papel.

Ou seja, quando os sensores identificam o preto, uma tecla do piano começa a tocar e só é liberada quando o preto passa a ser branco.

Para isso acontecer, basta girar a manivela que a folha de papel irá se movimentar. 

O criador do projeto diz que sua intenção foi somente para passar o seu tempo, mas já pensou se esse sistema chegasse em um nível a ponto de substituir os pianistas?

Acesse a montagem completa aqui.

Projeto 8: Armadura do Homem de Ferro

Aposto que se gosta da trilogia do Homem de Ferro, já deve ter procurado por réplicas de sua armadura na internet.

Aqui no Brasil, um maker construiu a armadura que ficou idêntica a original vista nos filmes da saga de Tony Stark. 

Vá para o final do vídeo que você verá o resultado deste suit e dos seus gadgets em ação:

Agora é só esperar o Thanos chegar na Terra…

PS: Para que você possa acompanhar a montagem, o maker dividiu a construção do suit em 3 vídeos, sendo o acima, o vídeo final de apresentação do projeto.

Projeto 9: Gato Biônico

Diferentemente do projeto do Homem de Ferro, este projeto já é algo mais simples de se fazer. Ele se trata de um protótipo de um gato programado com Arduino feito a partir de peças de impressora 3D.  

O projeto ficou fantástico pois esse gato robótico simula de forma bem real a locomoção de um gato normal além de ser altamente manobrável e inteligente (IA).  

Dê uma olhada de como ficou e me fala nos comentários o que achou: 

Para construir o seu próprio projeto, acesse este link.

Projeto 10: Equalizador de música de espelho infinito

Além da luminária que foi mencionada nos projetos anteriores, este outro invento é bastante interessante para os amantes de música e de efeitos visuais.  

Para ser possível fazer este projeto, devemos utilizar uma fita de led para cada espelho, um Arduino, dois potenciômetros e alguns resistores.

Cada fita de LED possui um comprimento de 50 cm e cada fita é composta por 30 luzes. 

A visibilidade e os efeitos deste equalizador são notáveis visto que os LED’s mudam de cor conforme a variação da intensidade sonora. O código e todo o esquema da montagem você encontra acessando este link

[Atenção makers] Não façam projetos com Arduino antes de ler essas 10 dicas

Se você é um makes que está começando no mundo DIY e se gostaria de recriar os projetos acima, fiz uma seleção das principais dicas para você se atentar e ter sucesso na montagem dos seus circuitos e invenções.

Dessa forma, com essas dicas, você irá aprender a:

  • teoria básica de eletrônica aplicada na prática a projetos com Arduino;
  • diferenciar circuitos em série de circuitos em paralelo;
  • estrutura interna das ligações de uma protoboard, e;
  • como ler códigos de resistores e suas resistências.

Mas, caso você ainda não conheça ou tenha experiência zero com a plataforma Arduino, recomendo ler o Guia Completo aqui do Blog para se familiarizar com a placa e com o software.

Dica 1: Estude conceitos de eletricidade para projetos com Arduino

A eletricidade é um tipo de energia, como o calor, a gravidade ou a luz e sabemos que ela flui através de condutores elétricos como fios.

Sendo assim, você pode converter a energia elétrica em outras formas de energia para fazer algo interessante como ligar uma luz/LED ou fazer um som com um auto-falante ou buzzer.

Os componentes que você deverá usar para fazer isso, como auto-falantes ou lâmpadas, são chamados de transdutores elétricos. Transdutores transformam outros tipos de energia em energia elétrica e vice-versa.

Já outros componentes que convertem outras formas de energia em energia elétrica são chamados de sensores, e componentes que convertem energia elétrica em outras formas de energia são chamados de atuadores.

Projeto robo de locomoção com Arduino
Robô usando sensor ultrassônico para orientação e usando servos motores como atuadores para locomoção

Em um circuito, a eletricidade flui de um ponto de uma grande quantidade de energia potencial (geralmente é denotado como Vin, power ou +) para um ponto de energia potencial menor.

Esse ponto de energia potencial menor em um circuito é chamado de ground (geralmente representado por GND ou -). Em nossos circuitos de projetos com Arduino, a eletricidade flui somente em uma direção. Esse tipo de circuito é chamado de corrente contínua ou DC.

Nos circuitos de corrente alternada (CA), a eletricidade muda de direção 50 ou 60 vezes por segundo (dependendo de sua localidade) e é denotado como o tipo de eletricidade que vem de uma tomada de parede.

Corrente alternada e contínua
Diferença entre corrente alternada e corrente contínua

Além dessas definições, existem outros termos com os quais te aconselho a se familiarizar ao trabalhar com circuitos como:

  • corrente (medida em ampères; com o símbolo A): é a quantidade de carga elétrica que flui para além de um ponto específico do circuito;
  • tensão (medida em volts de símbolo V): é a diferença de energia entre um ponto e outro de um circuito;
  • resistência (medida em ohms de símbolo Ω): é o quanto um componente resiste ao fluxo de corrente elétrica.
Corrente elétrica
Corrente elétrica entre dois fios

Para que você entenda melhor esses conceitos teóricos abordados até aqui, tente imaginar uma caixa d’água e como se dá sua vazão:

Analogia entre corrente elétrica e a água

Outra maneira de entender esses conceitos é pensar em um deslizamento de rocha indo ladeira abaixo em uma montanha.

Nesse caso, você não concorda que quanto mais alta a montaha, mais energia as rochas terão quando atingirem o seu sopé?

Pois bem!

Veja a imagem abaixo:

A altura da montanha é como a tensão em um circuito: quanto maior a tensão na fonte, mais energia lhe será fornecida. Além disso, quanto mais pedras você tiver, mais energia será transportada pela montanha.

O número de rochas é como a corrente em um circuito elétrico, ou seja, as pedras descem através de arbustos e atravessam obstáculos pelo caminho, perdendo um pouco de energia no processo. Sendo assim, a energia é, em partes, transformada e usada para esmagar os arbustos e destruir o que tem no caminho.

Por fim, os arbustos e os obstáculos são como resistores em um circuito, oferecendo resistência à eletricidade fluir convertendo-a em outras formas de energia. Como no caso do resistor, a conversão que se obtém da energia elétrica é o calor.

Dica 2: Entenda a Lei de OHM e aplique nos projetos com Arduino

Após você entender na prática o que regem a eletricidade, vou te apresentar na imagem abaixo a fórmula que rege a Lei de OHM.

Observe o esquema:

A Lei de OHM
TENSÃO (V) = CORRENTE (I) * RESISTÊNCIA (R)

É certo que corrente, tensão e resistência estão relacionados entre si e quando você muda uma dessas variáveis em um circuito, irá afetar todo o restante.

Como dito anteriormente, a relação entre esssas variáveis é conhecida como Lei de Ohm, nomeada assim graças aos estudos e descobertas de Geog Simon Ohm.

Dessa forma, no primeiro circuito mostrado neste artigo (um LED e um resistor), estamos fornecendo 5 volts enquanto que, o resistor oferece 220 ohms de resistência.

Para achar a corrente que passa pelo LED, basta substituir os valores na equação.

5 = I*220

I = 5/220

I = 0.023 A

Ou seja, isso é 23 miliamperes (23mA) usados pelo LED. Esse valor que descobrimos é o máximo de corrente que o componente pode usar sem que se queime, e é por causa disso que usamos um resistor de 220 ohm.

Dica 3: Conheça melhor uma protoboard usada nos projetos com Arduino

Uma protoboard é a ferramenta principal onde você irá prototipar os seus circuitos.

Geralmente as protoboards que compramos nos kits de Arduino são ideais para prototipagem pois não necessita que soldemos os componentes já que, suas linhas verticais e horizontais, como mostrado abaixo, são interligadas e a eletricidade pode fluir em conectores de metais bem finos.

Protoboard usada em Projetos com Arduino
Protoboard usada em Projetos com Arduino
Matriz de contato protoboard
Esquema das trilhas em uma matriz de contato
Esquema de como as trilhas são interconectadas
Esquema de como as trilhas estão interconectadas

Dica 4: Aplique a teoria

Após adquirir uma base teórica satisfatória, comece a criar pequenos projetos. Além disso, você irá descobrir que para auxiliar na montagem e criação dos projetos, antes, são feitos esquemas dos mesmos em softwares livres.

Aqui no blog é muito comum que você encontre projetos no qual eu uso o Fritzing para fazer a montagem dos componentes do projeto.

São feitas duas versões do projeto neste software, primeira é a vista pela protoboard e a segunda é a montagem elétrica do circuito que é uma versão mais abstrata de mostrar as conexões entre os componentes.

Montagem de um pequeno projeto com Arduino
Exemplo de montagem dos componentes em um projeto simples

Já a segunda parte do circuito, é o esquema elétrico que está representado abaixo.

Obsereve que ssa montagem não mostra sempre onde os componentes são inseridos na protoboard mas, é possível identificarmos como os componentes estão conectados:

Montagem esquemática do exemplo projeto com Arduino
Montagem esquemática do circuito

Portanto, é visto que, com o Fritzing, conseguimos uma infinidade de montagens com diversos componentes elétricos com Arduino, não concorda?

IMPORTANTE: Faça boas anotações ao longo de sua jornada com o Arduino. Habitue-se a fazer montagens dos seus projetos nesse tipo de software toda vez que um projeto finalmente funcionar. Dessa forma, a documentação fica salva e, evita-se, assim, retrabalhos e problemas futuros de montagem dos circuitos.

Registre o que aprender em seus projetos
Registre o que aprender e salve os sketches e montagens dos seus projetos.

Dica 5: Conheça melhor os componentes que for usar nos projetos com Arduino

É de extrema importânica que você conheça aspectos técnicos dos componentes eletrônicos. Por padronização, todos eles devem possuir datasheets que resumem o desempenho e as características técnicas do componente que você estiver usando.

De forma geral, é muito comum que comecemos no mundo maker com os componentes abaixo:

LED com Arduino

O LED ou light-emiting diode, sigla em inglês, é um componente que converte energia elétrica em luz. Eles são polarizados como mostra a imagem ao lado.

A perna menor representa o catodo e é conectado ao ground enquanto que, a perna maior representa o anodo (+) que é conectado ao power do Arduino. Este é um componente que converte energia elétrica em luz.

Resistor com Arduino

Já este componente é um resistor de 220 OHMs. Seu papel é dificultar a passagem de corrente elétrica.

Se você ligar esse componente em série com um componente como o LED, ele irá consumir uma quantidade de energia elétrica e dessa forma, você evitaria que o LED recebesse uma grande quantidade de energia e, consequentemente, queimasse.

Sem o resistor o LED brilharia por alguns momentos mas, logo após, iria queimar.

Botão com Arduino

Já esse é um botão ou switch. Ele é um componente elétrico que aciona um circuito quando é pressionado. A imagem ao lado representa o modelo mais utilizado em projetos com Arduino.

As conexões internas em um componente como o botão é melhor ilustrado na imagem abaixo:

Esquema das conexões de um botão em Arduino
Esquema das conexões internas de um botão

Dica 6: Comece pelo básico

Faça pequenos projetos antes de querer construir um drone, por exemplo!

Aqui, vou te dar um exemplo de um pequeno circuito em que a placa Arduino é usada apenas como alimentação do sistema.

Exemplo de LED, botão e Arduino

Projeto usando um botão, um resistor e um LED
Resistor em projetos com Arduino

Use um resistor de 220 ohm para conectar os 5 Volts de um lado do interruptor.

Se você ainda não sabe como ler as cores e a resistência de resistores, olhe o próximo título na continuação deste artigo. Lá, irei te ensinar como ler resistores de 4 e de 5 bandas.

Botão Arduino

Agora que está tudo montado, coloque o botão de forma que ele fique atravessando a sua protoboard. Se atente ao lado que for inseri-lo: a curva nas pernas do botão deve ficar para o centro da protoboard.

Power e GND Arduino

Por fim, conecte o fio vermelho ao pino de 5V do Arduino e conecte a outra extremidade na sua protoboard.

Além disso, conecte o GND do Arduino com um fio preto na outra linha ao lado. É útil manter a cor do fio consistente (vermelho para 5V e preto para GND) em todo o seu circuito.

Após seguir todo esse passo a passo, você será capaz de pressionar o botão e ver o LED acendendo no mesmo momento.

Dica 7: Os circuitos em série

Em circuitos em série, os elementos se posicionam um após o outro.

Seguindo a mesma lógica da montagem feita anteriormente, adicione outro botão de forma que ambos botões fiquem em série. Além disso, não se esqueça de conectar o LED ao catodo (GND).

Observe como ficará:

Montagem de um circuito em série com Arduino
Montagem do circuito em série com Arduino
Esquema elétrico em série com Arduino
Esquema elétrico em série com Arduino

Agora para ligar o LED você precisa pressionar ambos botões ao mesmo tempo. Isso ocorre pois, quando estão em série, ambos precisam fechar o circuito para a eletricidade fluir até o LED e acendê-lo.

Dica 8: Os circuitos em paralelo

Agora que você já aprendeu o conceito por trás dos circuitos em série, é hora de aprender como montar um circuito em paralelo usando os mesmos componentes anteriores. Mantenha o botão switch e o LED no mesmo lugar pois, o que irá fazer, será apenas acrescentar um fio que ligue o botão de cima ao LED. Veja a montagem abaixo:

Circuito em paralelo com Arduino
Montagem do circuito em paralelo com Arduino
Esquema elétrico do circuito em paralelo
Esquema elétrico do circuito em paralelo

Já que os botões estão em paralelo, basta pressionar um dos dois switches que o LED irá acender. Isso acontece pois, a corrente está dividida e, ao pressionar qualquer botão, ela irá passar e fluir até o LED acendendo-o.

Dica 9: Saiba ler resistores em projetos com Arduino

Os resistores são componentes eletrônicos bem pequenos e é muito difícil que leiamos seus valores sob seus corpos.

Dessa forma, um método de leitura em componentes minúsculos foi desenvolvido na década de 1920 e esse método permeia até hoje.

O método consiste no uso de cor para representação dos valores dos componentes. Logo, é por causa disso que os valores dos resistores são marcados usando faixas coloridas.

Cada cor corresponde a um número, como você vê na imagem abaixo.

Código de cores de resistores usado nos projetos com a plataforma
Código de cores de resistores de 4 e de 5 bandas

Cada resistor varia entre 4 e 5 bandas. No tipo de 4 bandas, as duas primeiras cores indicam os dois primeiros dígitos do valor enquanto que o terceiro indica o número de zeros que se seguem, ou seja, representa a potência de dez. A última banda especifica a tolerância.

No exemplo dado na imagem acima, o amarelo indica que o valor do resistor é de 10k ohm com variação de 5% para mais ou para menos desse valor.

DESAFIO: Você consegue advinhar qual a resistência dos 3 resistores da imagem abaixo?

Resistores com Arduino

Role para o fim deste artigo e descubra a resposta!

Dica BÔNUS 10: Baixe a Apostila Projetos com Arduino Completa e Gratuita!

Quer começar a fazer os projetos que te dei como exemplo ainda hoje? Mas, não sabe por onde começar?

Escrevi uma apostila justamente para pessoas como você poder aplicar a teoria e aprender na prática com 10 projetos essenciais com o Arduino!

Baixe o material gratuitamente através do link abaixo:

Apostila Projetos com Arduino
Apostila Arduino Com 10 Projetos Diferentes

Dentro do pdf de mais de 150 páginas você irá encontrar:

  • PRIMEIROS COMPONENTES EM PROJETOS COM ARDUINO;
  • ACENDENDO 3 LED’S;
  • MEDIDOR DE TEMPERATURA;
  • LED RGB E SENSOR DE LUZ;
  • ACIONANDO O SERVO MOTOR;
  • SPEAKER COM BUZZER;
  • MINI TECLADO MUSICAL;
  • CONTROLE DE UM MOTOR DC;
  • LIGANDO UM DISPLAY LCD;
  • FECHADURA ELÉTRICA.
Conteúdo da Apostila de projetos com Arduino
Conteúdo da Apostila de projetos com Arduino
  1. Todos os projetos foram montados em ordem de dificuldade onde foram divididos em níveis no qual 1 é fácil e 5 é difícil!
  2. Os códigos de todos os projetos estão explicados linha por linha com todas as funções, variáveis e tudo escrito no programa explicados passo a passo!
  3. Todas as montagens dos componentes e do esquema elétrico de cada circuito desenhados no software Fritzing!
  4. Dentro de cada projeto tem-se o tempo decorrido da montagem e programação para você otimizar seu tempo no processo!
Capa Apostila Projetos com Arduino
Capa da Apostila

O que você está esperando? Baixe agora o ebook! É gratuito!

Para construir grandes coisas primeiro é preciso começar! O mais importante é o primeiro passo!

Faça projetos com Arduino hoje

Resposta dos resistores do desafio

As respostas do desafio abordado são:

1 – 2,2kΩ ±5%

2 – 3,3kΩ ±5%

3 – 6,6kΩ ±5%,

Onde a enumeração é a seguinte:

Resistores: resposta do desafio
Resistores e a resposta do desafio

Flávio Babos
Futuro Engenheiro Mecatrônico pela Federal de Uberlândia, fanático por Tecnologia, Empreendedorismo e Gestão. Desde pequeno faz projetos com Arduino e recentemente atuou na Empresa Júnior do seu curso gerenciando equipes de engenharia no setor de vendas e de projetos.

Arduino: tudo o que você precisa saber [Guia Completo]

Previous article

Sensor de Temperatura Definitivo: LM35, DHT11, DS18B20 e TMP36

Next article

You may also like

2 Comments

  1. Para ajudar os que estão começando neste maravilhoso mundo da eletrônica, um disco de cores para auxiliar na leitura de resistores.

    https://www.electronics-tutorials.ws/resistor/resistor-colour-code-wheel.html

    1. Muito bom Fernando! Esse método de leitura é bastante direto e eficiente, sendo portanto, uma dica muito valiosa para ter ao lado dos projetos de eletrônica!

Leave a reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *